Voltar

Notícias

Luzes de Natal merecem cuidados redobrados

15 de dezembro de 2016

Luzes de Natal merecem cuidados redobrados

Um dos enfeites de fim de ano mais tradicionais nos lares brasileiros é o pisca-pisca de natal e, por isso, são tão procurados nesta época do ano. Porém, tanto a compra quanto a instalação deste produto merece a atenção da população, sendo fundamental verificar se elas são seguras e estão de acordo com normas técnicas. O excesso de enfeites ou produtos de má qualidade pode comprometer a segurança de sua casa ou empresa, por isso, ainda que a instalação de luzes decorativas pareça uma tarefa muito simples, são necessários alguns cuidados para não ter nenhuma surpresa desagradável.
O engenheiro elétrico da A3E Engenharia, Jacir Vicente Werle, lembra que instalações malfeitas ou com problemas de isolamento podem causar a fuga de corrente e curtos circuitos, se uma grande quantidade de lâmpadas forem adicionadas em apenas um circuito, podem ocorrer sobrecargas e aquecimento da instalação. “Quando falamos em energia todo o cuidado é pouco. As luzes de natal são lindas e dão um toque especial à decoração, mas se não tiver todo cuidado elas podem causar um pequeno incêndio e, em poucos minutos, se transformar em algo de grande proporção, sem contar na possibilidade de choques elétricos”, alerta. 
Werle lembra que o cuidado começa na compra dos enfeites. Os piscas-piscas devem ser certificados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e, no caso das luzes externas, ser à prova d’água. Na hora de ligar evite o uso de benjamins, também conhecidos como "Ts". O correto é conectar cada objeto a uma tomada diferente não usando assim emendas ou extensões. Se for utilizar na árvore de natal, é importante também verificar se ela é resistente ao fogo, além de manter sempre as luzes e a árvore longe de materiais inflamáveis como plástico e tapetes.  Além disso, o engenheiro eletricista recomenda o cuidado com a exposição à chuva quando o material for instalado em áreas externas sendo mais indicado utilizar mangueiras de iluminação para decoração ao ar livre e conectadas a circuitos protegidos por DR Dispositivo Residual.  Ao ir dormir ou sair de casa é aconselhável que os enfeites sejam retirados da tomada, por uma questão de segurança e de redução de gastos com energia. 
Werle ainda orienta para que se for reaproveitar as luzes de anos anteriores é importante certificar-se de que os fios não estejam amassados ou rompidos, e que ao término das festas, se o material for guardado para reutilização, deve ser limpo e acondicionado em local sem umidade, poeira e longe de fontes de calor. A recomendação é que antes de fazer a instalação contrate um eletricista, que poderá verificar se o quadro de força tem capacidade para receber a adição de carga dos enfeites natalinos. É preciso verificar também a fiação, conexões e tomadas, para garantir que não há nenhum defeito e evitar choques ou curtos.
 
Relembrando 
• Revise as instalações elétricas antes de iniciar a decoração;
• Revise os fios decorativos ou pisca-pisca antes de instalá-los;
• Faça a instalação das luzes de Natal com o circuito desligado;
• Não use “Ts”; 
• Não ultrapasse o limite de carga da tomada que liga as lâmpadas;
• Não faça emendas;
• Desligue as luzes quando não houver alguém na casa ou quando estiverem dormindo;
• Realize acompanhamento contínuo;
• Instale em circuitos com proteção residual, para evitar choques elétricos;
• Adquira produtos certificados com o selo do Inmetro em lojas especializadas;
• Evite o contato das lâmpadas com objetos e enfeites que podem ser inflamáveis;
• Supervisione as crianças e animais quando estiverem perto das instalações;
• Na dúvida, consulte sempre um eletricista habilitado.
 
Saiba Mais
• É possível encontrar enfeites luminosos de Natal à base de LEDs (Light Emitting Diode) no mercado. Apesar de terem preço um pouco maior possuem brilho mais intenso, maior vida útil, esquentam menos e consomem menos energia.
• Cada pequena lâmpada incandescente utilizada na decoração das árvores de Natal consome entre 1 watt e 5 watts. Portanto, um conjunto cem luzinhas tem uma potência equivalente entre 100 W (o mesmo que uma lâmpada de 100 W, das antigas encontradas nos supermercados) e 500 W. Uma lâmpada de 100 W acesa durante 10 horas consome 1kWh de energia elétrica.
 
Por Daniela de Oliveira